Mulheres empreendedoras – como lidar com o fim do relacionamento?

Mulheres empreendedoras - como lidar com o fim do relacionamento? (Foto: Depositphotos_312150376_s-2019)

Colocar um ponto final na história de uma relação nunca é fácil, seja quando você tem que colocar ou ele é colocado ali. O fim de namoro é um momento delicado e que pode trazer muitos aprendizados, construindo uma mulher ainda mais forte. 

São muitos ciclos que tem começos e fim nessa vida. O fim de um relacionamento, de qualquer tipo, é um processo que dói, mesmo que seja a decisão certa naquele momento. Com o término, mudanças devem ser tomadas, lidar com a ausência e um jeito novo de viver.

Nossas emoções e sentimentos são confusos. Em pouco tempo temos dias de alegria, ansiedade, tristeza, medo, saudade.

Para as mulheres empreendedoras, esses sentimentos ainda têm que ser deixados de lado para poder administrar os seus negócios. Assim, veja algumas dicas para lidar melhor:

Viva a perda

Sofra o que tem para sofrer, sinta a dor e chore. Para superar um fim de relacionamento, é muito importante sentir todas as etapas conhecidas do luto, como: a negação, raiva, tristeza, vazio, aceitação e depois, a vontade de recomeçar.

Esse é um processo que faz com que a gente tenha sentimentos sombrios, profundos, trazendo uma sensação de incapacidade e fraqueza. Porém, com o tempo, a gente tem mais força e vontade de crescer.

Aproveite o momento para chorar, esvaziar as suas dores, desabafar. Tenha certeza de que vai sair dessa ainda mais forte, diferente.

Autoestima

O fim de um relacionamento pode mexer com a sua autoestima e autoconfiança, e isso só deixa mais difícil de recomeçar e ter ainda uma atividade de muitas negociações. Por isso, o primeiro passo depois de sentir tudo, é combater a baixa autoestima.

Não há nenhum segredo para ter uma boa autoestima, vai ser necessário apenas, gostar de quem você é. Essa é uma tarefa que parece difícil, mas vai exigir apenas que você tenha conhecimento de si mesma, conhecendo os seus potenciais. Todas as pessoas têm as suas fraquezas, mas suas forças.

Esse é o momento de olhar para seus negócios, suas ideias de empreendedorismo. Veja que é a sua luz, aquilo que tem de bom. Pense no que gosta de fazer e como consegue coisas com facilidade. Seus talentos podem estar relacionados aquilo que gosta de fazer. 

Aceite e aprenda a gostar de quem você é. Se liberte da necessidade de aprovação dos outros, passe a saber que apenas você é que é dona da sua vida. Aproveite o amor, dinheiro, felicidade e trabalho que traz para si mesmo.

Medos

Um término de relacionamento também traz muitos medos relacionados ao abandono e rejeição. Esses medos podem funcionar como gatilhos para interferir nas atividades de trabalho. Identifique os seus medos e veja como eles podem ou não se tornar uma realidade.

Tudo vai depender da energia que estará colocando nesse medo. Quanto mais tempo temer, mais força e assustador ele se torna. Por isso, perceba que eles não fazem sentido, se apegue na força que você tem. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *